Maitê Aline Vieira Fernandes Médica Radiologista, Universidade commonwealth do Triângulo mineração (UFTM), Uberaba, MG, Brasil. Luiz Ronan Marquez ferreira de Souza Médico Radiologista, Professor combinar de Radiologista da objeto de Radiologia e Diagnóstico pela Imagem da Universidade federal do Triângulo mineração (UFTM), Uberaba, MG, Brasil.

Você está assistindo: Como aumentar o fluxo de sangue no corpo cavernoso


Endereço porque o correspondência: Dr. Luís Ronan Marquez ferreira de Souza. Avenida Claricinda alves de Resende, 1650, L9Q9, Flamboyant residencial Park. Uberaba, MG, Brasil, 38081-793. E-mail: luisronan
Luciano Pousa Cartafina Médico Urologista, Membro do corpo Clínico da disciplina de Urologia da Universidade commonwealth do Triângulo pitman (UFTM), Uberaba, MG, Brasil.Sobre os autores
Abstract

Ultrasound is fantastic method for the estude of penis. In this article, using naquela critical reveja of the literature e teaching files, we present examples of ns major findings in ns ultrasound routine, concentrating on trauma, priapism, Peyronie"s disease, and erectile dysfunction.

Keywords:Penis; Ultrasonography; Ultrasonography, Doppler, color; Ultrasonography, Doppler, duplex; Penile diseases


Resumo

A ultrassonografia é um distinguir método para a avaliação peniana. Nisso artigo, alcançar base em uma análise crítica da literária e arquivo didáticos, apresentamos exemplos ns principais alterações achar na rotineiramente ultrassonográfica, destacando-se ministérios traumatismo, ministérios priapismo, a doença de Peyronie e naquela disfunção erétil.

Unitermos:Pênis; Ultrassonografia; Ultrassonografia Doppler em cores; Ultrassonografia Doppler dupla; Doenças do pênis


INTRODUÇÃO

A ultrassonografia denominada uma modalidade de foto que, além de boa tolerada e inconsistência disponível, é respeitável excelente caminho para a obrigado de muitas doenças penianas(11 Bertolotto M, Pavlica P, Serafini G , et al. Painful penile induration: imaging findings and management. Radiographics. 2009;29:477-93.). Traumas peniano, priapismo, doença de Peyronie e disfunção erétil são algum das doença em que naquela ultrassonografia de pênis encontra grande aplicabilidade.

Atualmente, os transdutores lineares têm gostar de frequência divisa 12-15 MHz, emprego que aumenta a definição dá estudo ultrassonográfico. A obrigado peniana denominada geralmente realizada no decorrer o pênis se achar flácido, salvo em algum situações em que ministérios exame ele deve ser realizado em posição ereta, por meio de injeção de drogas vasoativas nos corpos cavernosos, como nos caso de defeituoso erétil(11 Bertolotto M, Pavlica P, Serafini G , et al. Ache penile induration: imaging findings e management. Radiographics. 2009;29:477-93.). Ministérios pênis ele deve ser posicionado em posição anatômica (sobre ministérios abdome) e avaliado na transversais e longitudinal, diretiva da glande em instruções à base do pênis(22 Avery LL, Scheinfeld MH. Imaging of penile e scrotal emergencies. Radiographics. 2013;33:721-40.). Em situações específicas, como na apreciação da doença de Peyronie, o pênis até deve ser avaliado posicionado sobre uma toalha/lenços alternativamente sobre a bolsa testicular, alcançar uma abordado lateral.

anatomia E fisiologia

Os corpo cavernosos eles são estruturas cilíndricas homogêneas e relativo hipoecoicas(22 Avery LL, Scheinfeld MH. Imaging of penile e scrotal emergencies. Radiographics. 2013;33:721-40.) revestidas para o túnica albugínea, ns delgada borda que tem espessura de abrangendo 2 mm alcançar o pênis flácido e de período 0,25 mm durante naquela ereção(33 Bhatt S, Kocakoc E, rubens DJ, et al. Sonographic review of penile trauma. J Ultrasound Med. 2005;24:993-1000.). O corpo esponjoso, ventral e mediano, adicionar ecogênico eu imploro seu perdão os corpos cavernosos, demasiado é revestido dar túnica albugínea e contém a uretra. É mais dilatado e saliente em dele segmento proximal, excluir bulbo, e em seu segmento distal, constituindo a glande(22 Avery LL, Scheinfeld MH. Imaging the penile and scrotal emergencies. Radiographics. 2013;33:721-40.) (Figuras uma e 2). Naquela fáscia de Buck denominada superficial à túnica albugínea e reveste todos as estrutura descritas.


*

Figura 1 anatomia normal dá pênis em corte transversal e acesso ventral teste duas imagem hipoecogênicas o que correspondem ~ por corpos cavernosos (seta dois pontas), alcançar suas respectivas artérias cavernosas (setas grossas), alcançar linha ecogênica que os relacionado a e correspondente à túnica albugínea (seta fina). Adjacente aos corpos cavernosos havido o alicerçada esponjoso (asterisco).
*

Figura 2 cortar longitudinal dá pênis sob digitar lateral direito. Superiormente, observa-se estrutura cilíndrica que corresponde ao alicerçada cavernoso (seta grossa), e adjacente e inferiormente, tenho o corporal esponjoso (seta fina).

A drenagem venosa denominada realizada pelas veias dorsais profunda e superficial são de pênis. Artéria dorsais são de pênis sim localização adjacentes à ponto principal dorsal profunda e uma artérias cavernosa excluir localizada no centro de cada corpo cavernoso. Durante Doppler em cores, as artéria cavernosas presente fluxo monofásico. Artérias cavernosas normais, no pênis flácido, exibem pico sistólico entrada 11 e 20 cm/s(11 Bertolotto M, Pavlica P, Serafini G , et al. Ache penile induration: imaging findings and management. Radiographics. 2009;29:477-93.) (Figura 3). No início da ereção, os rubor sistólicos e diastólicos sofrem aumentar progressivos. Quando der veno-oclusão se inicia, o escoamento diastólico diminuir progressivamente, e uma rotação instalada der rigidez, torna-se negativo(11 Bertolotto M, Pavlica P, Serafini G , et al. Painful penile induration: imaging findings and management. Radiographics. 2009;29:477-93.).


*

Figura 3 Ultrassonografia de pênis, acesso ventral, corte longitudinal abranger modo pulsado e Doppler em cores. Padrão normal de escoamento da artérias cavernosa abranger pênis em bang flácido.

crédito PENIANO

O trauma peniano pode corre de mecanismo contuso alternativa penetrante, sendo naquela último raramente investigado pelos métodos de imagem, majoritariamente sempre desafiante exploração cirúrgico imediata(22 Avery LL, Scheinfeld MH. Imaging of penile e scrotal emergencies. Radiographics. 2013;33:721-40.). Durante pênis ereto, emprego trauma resultado de esticam e afilamento da túnica albugínea, que ele pode sofrer descanso segmentar de um alternativamente ambos os corpos cavernosos, caracterizando 1 fratura peniana.

No teste de ultrassonografia, naquela lesão tunical se é um presente como 1 interrupção da túnica albugínea (perda da contínuo da linha ecogênica que a representa) (Figura 4). Hematomas pequenos, moderados alternativamente amplos denunciam a amplitude da intermitentes tunical(44 Bertolotto M, Quaia E, Mucelli FP, et al. Color Doppler imaging the posttraumatic priapism before and after selective embolization. Radiographics. 2003;23:495-503.). Podem estar observados hematomas intracavernosos, às tempo sem der presença de fratura albugínea, no decorrer há obstáculo da músculo lisa do trabéculas eu imploro seu perdão circundam os espaços sinusoides alternativamente do plexo venoso subtunical(33 Bhatt S, Kocakoc E, rubens DJ, et al. Sonographic evaluation of penile trauma. J Ultrasound Med. 2005;24:993-1000.).


*

Figura 4 A:
U ltrassonografia d e p ênis, der cesso l ateral d ireito. C orte l ongitudinal mostrando ruptura da túnica albugínea, alcançar hematoma adjacentes de 1,92 cm (entre os marcador +) devido a de trauma. B: Ressonância magnética, TSE T2, axial, teste descontinuidade do hipossinal da túnica albugínea, à lado esquerdo (seta), secundária naquela fratura.

Em abrangendo 10% a 15% no traumas penianos, der lesão uretral poderá está dentro associada(44 Bertolotto M, Quaia E, Mucelli FP, et al. Shade Doppler imaging that posttraumatic priapism before and after selective embolization. Radiographics. 2003;23:495-503.). Enquanto for observado sangue no meato uretral, denominações necessária a obrigado da uretra através exame contrastado. Nos casos em que a ultrassonografia ao inconclusiva, a ressonância magnética ele pode fazer auxiliar durante diagnóstico(44 Bertolotto M, Quaia E, Mucelli FP, et al. Shade Doppler imaging that posttraumatic priapism before e after selective embolization. Radiographics. 2003;23:495-503.), existência hoje frequentemente recomendada na literatura(33 Bhatt S, Kocakoc E, rubens DJ, et al. Sonographic review of penile trauma. J Ultrasound Med. 2005;24:993-1000.,44 Bertolotto M, Quaia E, Mucelli FP, et al. Shade Doppler imaging that posttraumatic priapism before e after selective embolization. Radiographics. 2003;23:495-503.).

PRIAPISMO

O priapismo é definido gostar de uma ereção peniana dolorosa e prolongada relevante ou não ao estímulo sexual(44 Bertolotto M, Quaia E, Mucelli FP, et al. Color Doppler imaging of posttraumatic priapism before e after selective embolization. Radiographics. 2003;23:495-503.). Naquela ultrassonografia com Doppler em cores é o maneira de fotografias de escolha para pergunta de priapismo, uma virado que se tratamento de um método algum invasivo, de amenas disponibilidade e alto sensibilidade(44 Bertolotto M, Quaia E, Mucelli FP, et al. Color Doppler imaging the posttraumatic priapism before and after selective embolization. Radiographics. 2003;23:495-503.). Através meio desse método, denominações possível diagnosticar e diferenciá o priapismo de baixo e de altamente fluxo.

O priapismo de baixo fluxo (isquêmico) excluir emergência urológica na qual ocorre drenagem venosa inadequada, ministérios que resulta em hipóxia, isquemia e acidose tecidual, que eles podem fazer resultar em fibrose e disfunção erétil. São descrito várias causas, entre elas, anêmica falciforme (a adicionar comum em crianças), leucemia e etc discrasias sanguíneas (talassemia e mieloma múltiplo), uso diversos drogas lícitas e ilícitas e neoplasias. Durante Doppler, observa-se fluxo reduzido ou ausente nas artéria cavernosas(44 Bertolotto M, Quaia E, Mucelli FP, et al. Color Doppler imaging that posttraumatic priapism before e after selective embolization. Radiographics. 2003;23:495-503.). Na progressão a partir de quadro, ocorre conseguir um aumento da ecogenicidade dos corpos cavernosos, atribuído ao edema tecidual. Tardiamente, alterações da ecotextura dos corpos cavernosos podem estar observadas em decorrência da converter fibrótica gerado pela anóxia tecidual(11 Bertolotto M, Pavlica P, Serafini G , et al. Pains penile induration: imaging findings e management. Radiographics. 2009;29:477-93.).

O priapismo de alto fluxo não é respeitável emergência, visto eu imploro seu perdão os pacientes are sob menor risco de sequelas permanentes(44 Bertolotto M, Quaia E, Mucelli FP, et al. Shade Doppler imaging that posttraumatic priapism before e after selective embolization. Radiographics. 2003;23:495-503.). Associa-se der trauma contuso perineal ou peniano, abranger laceração da artéria cavernosa, o que pode interromper uma fístula arteriolacunar. No estudo alcançar Doppler, pode-se observar fluxo sanguíneo normal alternativamente aumentado e turbilhonado nas artéria cavernosas. A gamas que infundir a fístula ele apresenta lesão hipoecoica, irregular enquanto tecido cavernoso(44 Bertolotto M, Quaia E, Mucelli FP, et al. Shade Doppler imaging of posttraumatic priapism before and after selective embolization. Radiographics. 2003;23:495-503.) (Figura 5).


*

Figura 5 Ultrassonografia alcançar Doppler em cores demonstrando coleções hipoecoica que corresponde a hematoma com fístula arteriovenosa secundária naquela lesão traumática em pênis por impacto alcançar guidão de bicicleta, determinando priapismo de máximo fluxo.

DOENÇA DE PEYRONIE

A doença de Peyronie é caracterizar pelo espessamento fibrótico da túnica albugínea, eu imploro seu perdão pode emite curvatura enquanto pênis e diferente de ereção(55 Prando D. New sonographic elements of Peyronie disease. J Ultrasound Med. 2009;28:217-32.). Na fibromatose de Peyronie ocorre a formação de placas fibrosas identificadas como gamas onde a túnica albugínea se achar espessada(11 Bertolotto M, Pavlica P, Serafini G , et al. Pains penile induration: imaging findings and management. Radiographics. 2009;29:477-93.). As variedade são adicionando frequentes enquanto dorso do pênis, porém, eles podem fazer ser ~ identificadas nas faces ventral, lateral alternativamente no septo peniano.

O achado típico, na ultrassonografia, excluir de espessamento focal hiperecoico da túnica albugínea. Na decorrência de calcificações associadas, der imagem exibe sombra acústica(55 Prando D. Novo sonographic elements of Peyronie disease. J Ultrasound Med. 2009;28:217-32.) (Figuras 6 e 7). Resultado menos frequentes, atribuídos der estágios adicionando precoces da doença (fibrose ainda discreta), são prejuízo hipoecoicas com espessamento focal no tecidos pericavernosos, espessamento focal length ecogênico da túnica sem hampden acústica posterior, prejuízo isoecoicas retráteis alcançar atenuação são de feixe sonoro posteriormente, e derrota focal da continuidade da túnica albugínea(55 Prando D. Novo sonographic facets of Peyronie disease. J Ultrasound Med. 2009;28:217-32.). Durante estudo alcançar Doppler, o aumentar do fluxo aos redor das placas pode sugerir trabalhar inflamatória e a ausente pode sugerir estabilidade da doença(66 Kalokairinou K, Konstantinidis C, Domazou M, et al. United state imaging in Peyronie"s disease. J Clin Imaging Sci. 2012;2:63.). Der ultrassonografia denominações útil que só para naquela identificação do lesões, mas demasiado para determinar sua relação abranger o feixe neurovascular(11 Bertolotto M, Pavlica P, Serafini G , et al. Ache penile induration: imaging findings and management. Radiographics. 2009;29:477-93.). Naquela disfunção erétil pode estar apresentada na festa de Peyronie, freqüentemente relacionada a fuga venosa, para ele drenagem mais no local da placa(55 Prando D. New sonographic aspects of Peyronie disease. J Ultrasound Med. 2009;28:217-32.).


Figura 6 Ultrassonografia de pênis, acesso ventral, cortar transversal na porção médio peniana. Observar fotografias ecogênica alcançar sombra acústica posterior no alicerçada cavernoso esquerdo, que corresponde a calcificada (seta).
Figura 7 Radiografia simples com penetração de parte moles de pênis teste imagens radiopacas que aplicável a calcificações nos corpo morto cavernosos (setas).

DISFUNÇÃO ERÉTIL

A muitos dos caso de disfunção erétil de causa raiz orgânica isso é relacionada a alterações enquanto fluxo sanguíneo nos corpos cavernosos, representadas para ele doença arterial oclusiva, acrescido frequentemente de fonte aterosclerótica, alternativa por falha durante mecanismo veno-oclusivo(77 Bassiouny HS, Levine LA. Penile duplex sonography in ns diagnosis the venogenic impotence. J Vasc Surg. 1991;13:75-83.). Precedendo o teste ultrassonográfico alcançar Doppler, ministérios pênis deve ser examinado pelo regime B, com a meta de são definidos possíveis tumores, placa fibróticas, calcificações alternativamente hematomas, bem como o aspecto das artérias cavernosas, que eles podem fazer se apresentar tortuosas ou ateromatosas.

A indução da ereção excluir realizada para ele injeção de 10 a 20 µg de prostaglandina E1, alcançar avaliações repetidas dá fluxo artérias a cada ano minutos no decorrer 25 naquela 30 minuto (Figura 8). Aqueles droga denominada contraindicada em pacientes com predisposição ~ por priapismo (anemia falciforme, por exemplo), alcançar deformidade anatômica são de pênis ou alcançar implante peniano. A associação alcançar fentolamina 2 mg denominada frequentemente utilizada. O estimulação econômica visual e tátil possibilita ao melhor resultados(88 Connolly JA, Borirakchanyavat S, Lue TF. Ultrasound evaluation of ns penis for assessment that impotence. J Clin Ultrasound. 1996;24:481-6.). Alguns artigos indicar o usar de medicamentos oral (citrato de sildenafil 50 mg) porque o substituir o injetável nos casos de contraindicações, sendo deles eficácia motivo de controvérsia na literatura(99 Murad Basar M, Atan A, Tekdogan UY, et al. Der classification based in optimal systolic velocity and diastolic velocity suspect sindenafil citrate success. Scan J Urol Nephrol. 2003;37:502-6.,1010 Baçar MM, Batislam E, Altinok D, et al. Sildenafil citrate for penile hemodynamic determination: an alternative to intracavernosal agentes in Doppler ultrasound evaluation of erectile dysfunction. Urology. 2001;57:623-6.).


Figura 8 cortar transversal de pênis sob acesso ventral. Fotografias obtida depois de ~ indução da ereção, 15 minutos depois de injeção de prostaglandina E1, teste sinusoides dilatados (setas).

Antes da injeção da droga escolhida, o padrão de fluxo excluir monofásico, alcançar baixas velocidade sistólicas e ausência de fluxo diastólico. Após a injeção, se espera observar aumentar das velocidades de pico sistólico e diastólico, ministérios qual diminui progressivamente alcançar a veno-oclusão, até que se negativa quando o pênis se torna firmemente (Figura 9). Os valores de autoridade para resolver variam em diferente aprender (acima de 25 naquela 35 cm/s)(1111 wilkins CJ, Sriprasad S, Sidhu PS. Colour Doppler ultrasound of the penis. Clin Radiol. 2003;58:514-23.,1212 maya CR. Penis. In: Souza LRMF, De Nicola H, Szejnfeld J. Ultrassonografia de vísceras e estrutura superficiais. Elas Paulo, SP: Roca; 2007. P. 207-20.). Valores acerca 35 cm/s indicam ausente de festa arterial, valores abaixo de 25 cm/s expressar insuficiência artérias e valores adentraram 25 e 35 cm/s eles são indeterminados lá são pouco privado (Figura 10). Os dados obtidos tem que ser correlacionados alcançar o grau de ereção observado. Caso as rapidez de vértice sistólico estão normais, devem-se para avaliar as rapidez diastólicas finais, o que se estiverem acima de 5 cm/s ser estar associadas a insuficiência venogênica.


Figura 9 Gráficos representando numericamente o espectro dá Doppler em cor do padrão de fluxo das artéria cavernosas no decorrer as estágio da ereção. A:
fluxo monofásico alcançar diástole mínima alternativamente ausente enquanto o pênis isso é flácido. B: aumentar do escoamento sistólico e diastólico depois de ~ 10 minutos de injeção de droga vasoativa. C: escoamento sistólico aumentado e diástole reversa depois de 25 minutos pós-injeção de prostaglandina.
Figura 10 Ultrassonografia de pênis, acesso ventral, corte longitudinal alcançar modo pulsado e Doppler em cores. Fluxo das artérias cavernosas ao 5 minuto (A), 15 minutos (B) e 25 minutos (C) depois de injeção de prostaglandinas. Observar que o fluxo cavernoso mantém-se abaixo dos nível esperados (no mínimo 25-35cm/s), ministérios que indica negativo erétil através dos insuficiência arterial.

CONCLUSÃO

A ultrassonografia denominada método de grande utilidade, tanto para o disponibilidade quanto é este pela eficiência na reconhecimento do pênis, no que diz respeito der diagnóstico, gostar de no circunstancias de fratura peniana e festa de Peyronie, e a fator etiológico, como no caso de priapismo e disfunção erétil. O entendimento de como diferenciar o aspecto normal a partir de patológico do pênis, está bem como manejar together técnicas dá Doppler alcançar essa finalidade, denominações de pólo importância para diagnóstico e ajuda na definir de condutas.


Trabalho realizado na disciplina de Radiologia e Diagnóstico através Imagem da Universidade commonwealth do Triângulo mineiro (UFTM), Uberaba, MG, Brasil.
Agradecimento

Agradecemos vir professor Décio Prando, pelo doar técnico para der realização do trabalho.


Bertolotto M, Pavlica P, Serafini G , et al. Ache penile induration: imaging findings and management. Radiographics. 2009;29:477-93.
2
Avery LL, Scheinfeld MH. Imaging of penile and scrotal emergencies. Radiographics. 2013;33:721-40.
3
Bhatt S, Kocakoc E, rubens DJ, et al. Sonographic testimonial of penile trauma. J Ultrasound Med. 2005;24:993-1000.
Bertolotto M, Quaia E, Mucelli FP, et al. Color Doppler imaging the posttraumatic priapism before e after selective embolization. Radiographics. 2003;23:495-503.
5
Prando D. Novo sonographic elements of Peyronie disease. J Ultrasound Med. 2009;28:217-32.
6
Kalokairinou K, Konstantinidis C, Domazou M, et al. United state imaging in Peyronie"s disease. J Clin Imaging Sci. 2012;2:63.
Bassiouny HS, Levine LA. Penile duplex sonography in the diagnosis that venogenic impotence. J Vasc Surg. 1991;13:75-83.
Connolly JA, Borirakchanyavat S, Lue TF. Ultrasound testimonial of ns penis para assessment that impotence. J Clin Ultrasound. 1996;24:481-6.
Murad Basar M, Atan A, Tekdogan UY, et al. Naquela classification based in top systolic velocity and diastolic velocity suspect sindenafil citrate success. Scan J Urol Nephrol. 2003;37:502-6.
Baçar MM, Batislam E, Altinok D, et al. Sildenafil citrate porque o penile hemodynamic determination: an different to intracavernosal agente in Doppler ultrasound evaluation of erectile dysfunction. Urology. 2001;57:623-6.
wilkins CJ, Sriprasad S, Sidhu PS. Color Doppler ultrasound of ns penis. Clin Radiol. 2003;58:514-23.

Ver mais: Cancer De Mama Com Metastase Ossea Tempo De Vida Em Cinco, Metástase Óssea


maya CR. Penis. In: Souza LRMF, De Nicola H, Szejnfeld J. Ultrassonografia de vísceras e estrutura superficiais. Elas Paulo, SP: Roca; 2007. P. 207-20.